Querendo ver outros blogs meus consultar a Teia dos meus blogs

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Chama-me apenas mulher

Mário Raínho / Acácio Gomes *fado acácio* Chama-me apenas mulher E não um nome qualquer Tão igual a tanta gente Chama-me irmã, companheira Amante p’ra vida inteira Tua amiga eternamente Chama-me luz de luar A brisa fresca do mar / O calor do mês de agosto Chama-me flor pequenina Ou simplesmente menina / Que é nome que eu tanto gosto Chama-me também fadista Teu sonho, tua conquista / Namorada por prazer E p’ra melhor esplendor Sobretudo meu amor / Chama-me apenas mulher

Sem comentários: